Moradores vizinhos das barragens Marés I e II, em Belo Vale, e Santana, em Santa Maria de Itabira, irão ouvir o alerta nesta terça-feira (7)

A Vale realiza nesta terça-feira (7), um teste no sistema de sirenes de três barragens localizadas na região Central de Minas Gerais. Segundo a mineradora, a medida é preventiva e tem como objetivo principal conferir a eficiência do sistema e realizar ajustes, caso necessário.

As barragens que vão passar pelo teste são a de Maré I e Maré II, que fazem parte do complexo da Mina de Fábrica, no município de Belo Vale, a 73 km de Belo Horizonte. O som emitido pelas sirenes deve alcançar toda a ZAS (Zona de Autossalvamento) e as comunidades localizadas no município. 

De acordo com a Vale, os testes não devem impactar nas atividades cotidianas de moradores ou dos empregados da empresa no local. 

O complexo da Mina de Fábrica está com suas atividades paralisadas desde fevereiro, quando a ANM (Agência Nacional de Mineração) determinou a suspensão das operações para evitar “eventuais gatilhos para modos de falha por liquefação” das barragens Forquilha I, Forquilha II, Forquilha III, Grupo e Vargem Grande. 

A barragem de Marés II não teve sua DCE (Declaração de Condição de Estabilidade) renovada. Com isso, ela teve o nível de emergência elevado de 0 para 1 – o que não requer a retirada de moradores de suas casas. 

A barragem Santana, que pertence à Mina Cauê, localizada em Santa Maria de Itabira, a 159 km da capital mineira, também vai passar por testes sonoros nesta terça-feira (7). De acordo com a mineradora, o som poderá ser ouvido pelos moradores dos bairros Gaspar, Córrego da Lage, Flor do Vale, Cordeiro e Morro Santo Antônio, na zona rural da cidade.  

Fonte: www.noticias.r7.com

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor, digite seu comentário.
Por favor, digite seu nome