O Departamento de Trânsito, em conjunto com a Guarda Municipal de Ibitinga, recolheu das ruas mais três veículos em situação de abandono. A medida cumpre determinação de decreto municipal.

De acordo com Paulo Verderi, diretor da Guarda Municipal de Ibitinga, os veículos em situação de abandono podem causar riscos de saúde pública e segurança.

“São carros, caminhões, peruas, carroças – geralmente velhos e sucateados – que, abandonados nas ruas a céu aberto por muito tempo, começam a gerar acúmulo de lixo, de água etc. Nisso, começa haver proliferação de pragas, insetos por conta da sujeira, criadouro do mosquito da dengue, bem como esconderijo de drogas para traficantes”, descreveu e explicou Verderi.

O recolhimento de veículos abandonados em Ibitinga ocorre após o proprietário ser notificado da situação. O aviso, com prazo de cinco dias úteis, é dado em Diário Oficial e adesivos são afixados nos veículos para que o dono fique ciente.

“Depois de recolhido, o veículo pode ser retirado do pátio, sob pagamento dos valores provenientes dos serviços de guincho e da estadia no pátio. O dono também terá que regularizar toda a situação documental e de vistoria do veículo”, detalhou Verderi.

Segundo do CONTRAN, o veículo poder ser levado à leilão após 60 dias do seu recolhimento, caso não seja regularizado pelo proprietário.

Fonte: Prefeitura de Ibitinga

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor, digite seu comentário.
Por favor, digite seu nome