Jovem matou o marido com uma facada no peito ao ser agredida por ele; tamanho da tatuagem que ela fez teria motivado briga

Itápolis – Uma jovem de 18 anos foi presa, na noite da última sexta-feira (14), em Itápolis (100 quilômetros de Bauru) acusada de matar seu próprio marido, Wender William de Souza, de 23 anos, com uma facada no peito.

Em relato à Guarda Municipal, a mulher contou que o crime ocorreu durante uma briga que eles tiveram por causa do tamanho de uma tatuagem, que ela fez em seu corpo.

O homicídio foi registrado na casa do casal, que fica no Jardim Nova Redenção, por volta das 19h.

Conforme o boletim de ocorrência (BO), a vítima teria chegado embriagada da roça e iniciado a discussão com a esposa. Maria Julia Paz Silva contou aos policiais ter sido agredida com vários socos na cabeça pelo companheiro por causa do tamanho de sua tatuagem.

Ela alegou ainda ter pegado uma faca para se defender e ter se sentado no sofá da sala, com a expectativa de que a briga cessasse. O que não aconteceu.

A investida com uso da faca contra ele teria ocorrido no momento em que o marido voltou a agredir a companheira.

Após golpeá-lo, a mulher gritou socorro aos vizinhos e contou o que havia feito. O Serviço de Unidade Móvel de Urgência (Samu) foi acionado e socorreu o rapaz, que foi levado para a Santa Casa da cidade, mas ele morreu antes mesmo de chegar na unidade médica.

Ainda de acordo com o BO, a Guarda Municipal chegou até a casa do casal acionada por vizinhos e encontrou a jovem de 18 anos dentro do imóvel, manchada de sangue e preocupada com o marido.

Havia marcas de sangue no quintal e no chão da cozinha. O local passou por perícia técnica da Polícia Científica. A faca utilizada no crime foi apreendida.

A acusada foi indiciada por homicídio simples e permaneceu detida na delegacia de Ibitinga, onde a ocorrência foi apresentada e registrada pelo delegado Luiz Fernando Ferreira.

Consta no registro policial que não foi arbitrada fiança pelo fato de a pena para o crime superar 4 anos.

A acusada seria apresentada em audiência de custódia em Araraquara.

Fonte:www.jcnet.com.br

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor, digite seu comentário.
Por favor, digite seu nome